Governo do Estado decreta Toque de Recolher em Simões Filho e mais 10 cidades

O Governo do Estado da Bahia decretou neste sábado (4) toque de recolher no município de Simões Filho e mais 10 cidades baianas. A medida passa a vigorar a partir deste domingo (5). De acordo com o decreto, fica restrita na RMS a locomoção noturna, o trânsito em vias, equipamentos, locais e praças públicas, das 18h às 5h, até o dia 12 de julho.

Além de Simões Filho, o toque de recolher contempla as cidades metropolitanas de Camaçari, Candeias, Conde, Dias D’Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, São Francisco do Conde e São Sebastião do Passé, todas na Região Metropolitana de Salvador, e Correntina, no Oeste da Bahia.

Estarão autorizados a funcionar apenas serviços essenciais. Além disso, obras em hospitais e construção de novas unidades de saúde podem operar das 5h às 17h.

Em Correntina a medida vale até 10 de julho e a restrição será entre mesmo horário. Em todas as cidades será autorizado deslocamento noturno para ida a serviços de saúde ou farmácia, além de situações em que seja comprovada a urgência.

Em Simões Filho, a gestão do prefeito Dinha Tolentino, segue com diversas iniciativas no combate ao Coronavírus, e desde o início do enfrentamento à doença, a administração através de decretos, adotou inúmeras iniciativas, como o  fechamento do comércio, a suspensão das atividades nas academias, casas de shows e nas unidades de ensino (públicas e privadas), toque de recolher, medidas restritivas de circulação, leitos de retaguarda instalados no Hospital Municipal e UPA, e Unidade de Enfrentamento ao Coronavírus com 22 leitos clínicos, que vem atendendo a demanda popular diariamente.

Além disso, medidas restritivas nos seis bairros com maior número de infectados, distribuição de máscaras e testes rápidos, desinfecção de espaços públicos e pneus de veículos, entre outras como o Merenda em Casa e o cartão Simões Filho Boa Gente, um auxílio emergencial para permissionários e feirantes do Mercado Municipal.

 

 

Fonte: Rede Imprensa

Curta e Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter